domingo, 18 de junho de 2017

estes são os nomes das coisas que deixaste


lê, estes são os nomes das coisas que deixaste 

– eu, livros, o teu perfume espalhado pelo quarto; sonhos pela metade e dor em dobro, beijos por todo o corpo 

como cortes profundos que nunca vão sarar;




Maria do Rosario Pedreira
Postar um comentário

‘Cubra-nos com Teu Manto, oh Mãe’...

‘Cubra-nos com Teu Manto, oh Mãe’...  Quantas frases mal pronunciadas, sussurradas, cheias de uma pressa, de apelo e de fé elevei ...