Vez em quando, coloco a alma secar no varal....




Precisava te dizer tanto. 
E não direi nada.



Caio Fernando Abreu


Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Tudo é vário. Temporário. Efêmero. Nunca somos, sempre estamos!