Toca-me. Não fales.

Eu invento
as palavras que os deuses não merecem.



Joaquim Pessoa
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Tudo é vário. Temporário. Efêmero. Nunca somos, sempre estamos!