domingo, 17 de maio de 2015


Se ao menos pudesse voltar a ser tão distraída, a sentir tanto amor sem saber


Markus Zusak
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...