Amo, 'insensatamente', os ácidos, os gumes, 
E os ângulos agudos.


Cesário Verde
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Tudo é vário. Temporário. Efêmero. Nunca somos, sempre estamos!