SAUDADE É A MASTURBAÇÃO PASSIVA DOS QUE NÃO SABEM QUE A NATUREZA É SUFICIENTEMENTE VARIADA PARA QUE NÃO HAJA NECESSIDADE DE VOLTAR ATRÁS.




Almada Negreiros
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Tudo é vário. Temporário. Efêmero. Nunca somos, sempre estamos!