E, mesmo, quem já não desejou possuir um ser humano só para si?



Clarice Lispector

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Tudo é vário. Temporário. Efêmero. Nunca somos, sempre estamos!