"há sonhos que trincam o céu
(de cada fissura surge
uma estrela)" 


Geraldo de Barros 

1 comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Tudo é vário. Temporário. Efêmero. Nunca somos, sempre estamos!