"O que consome meu corpo moço; 
FoMe ou sOlidãO?"



Zeca Baleiro

2 comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Tudo é vário. Temporário. Efêmero. Nunca somos, sempre estamos!