É tão difícil guardar um rio quando ele corre dentro de nós



Jorge de Sousa Braga 
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Tudo é vário. Temporário. Efêmero. Nunca somos, sempre estamos!