pernoito...


pernoito quase sempre no lado sagrado do meu coração
OU onde o medo tem a precaridade doutro corpo....


Al Berto
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Tudo é vário. Temporário. Efêmero. Nunca somos, sempre estamos!