Quantos Séculos.
 Igual à noite, o coração. 
Quantos séculos de obstinada gota contra a rocha? 



Carlos Nejar
6 comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Tudo é vário. Temporário. Efêmero. Nunca somos, sempre estamos!