música é vida interior,

e quem tem vida interior jamais padecerá de solidão



Artur da Távola
5 comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Tudo é vário. Temporário. Efêmero. Nunca somos, sempre estamos!