quarta-feira, 7 de março de 2012

'um girassol sem sol'


Gostaria de ter sido um girassol. 
Um girassol hirto

No seu caule, 
De longas folhas verdes desajeitadas
E uma enorme corola doirada, 
Seguindo cegamente o sol.

Estou só 
E a minha cabeça explode 
Em milhões de girassóis



Jorge Sousa Braga
Postar um comentário

‘Cubra-nos com Teu Manto, oh Mãe’...

‘Cubra-nos com Teu Manto, oh Mãe’...  Quantas frases mal pronunciadas, sussurradas, cheias de uma pressa, de apelo e de fé elevei ...