'um girassol sem sol'


Gostaria de ter sido um girassol. 
Um girassol hirto

No seu caule, 
De longas folhas verdes desajeitadas
E uma enorme corola doirada, 
Seguindo cegamente o sol.

Estou só 
E a minha cabeça explode 
Em milhões de girassóis



Jorge Sousa Braga
14 comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Tudo é vário. Temporário. Efêmero. Nunca somos, sempre estamos!