terça-feira, 6 de março de 2012

Queres saber quem sou?

Eu sou a que te olha e espia para te recolher

e depois guardar num lugar que é só meu.

Para isso serve o papel.

O resto não precisas saber.

Nem convém.

Só te ia distrair, podes crer.

Eu sou a que mergulha as mãos na tua vida

para sentir a minha voltar






Pedro Paixão
Postar um comentário

‘Cubra-nos com Teu Manto, oh Mãe’...

‘Cubra-nos com Teu Manto, oh Mãe’...  Quantas frases mal pronunciadas, sussurradas, cheias de uma pressa, de apelo e de fé elevei ...