segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012



"No seu corpo aprendi a saborear o desejo infinito,
O desejo como experiência da eternidade.
Para essa experiência não tenho palavras.
Nem sequer silêncio.
Dessa experiência,
Sobrou-me o que sou."



Inês Pedrosa


*Meu blog surtou: simplesmente não consigo comentar/responder/visitar... E lamentavelmente, cada pouco, recebo a mensagem que está excluído. 
*Desculpem  não responder a todos... Espero que logo normaliza =(.
*Obrigada pelo carinho!!!
Postar um comentário

‘Cubra-nos com Teu Manto, oh Mãe’...

‘Cubra-nos com Teu Manto, oh Mãe’...  Quantas frases mal pronunciadas, sussurradas, cheias de uma pressa, de apelo e de fé elevei ...