quinta-feira, 16 de fevereiro de 2012


Não me arrependo das horas que perdi a esperar-te
Quando ainda havia a esperança...a esperança
Que havia ainda quando, a esperar-te,
Perdi horas de que não me arrependo...




José Luís Peixoto
Postar um comentário

‘Cubra-nos com Teu Manto, oh Mãe’...

‘Cubra-nos com Teu Manto, oh Mãe’...  Quantas frases mal pronunciadas, sussurradas, cheias de uma pressa, de apelo e de fé elevei ...