sexta-feira, 3 de fevereiro de 2012


E haverá um tempo para amar e outro para encontrar as distâncias esquecidas. Sim. Alguma vez. Quando os rostos dos outros não me derem a medida exata da solidão





Alejandra Pizarnik
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...