"Que nada nos defina. 

Que nada nos sujeite

Que a liberdade seja a nossa própria substância



Simone de Beauvoir
6 comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Tudo é vário. Temporário. Efêmero. Nunca somos, sempre estamos!