terça-feira, 11 de outubro de 2011



"Levai tudo:
o brilho fácil das pratas,


o acre toque das sedas.


Deixai só a incomensurável
memória das labaredas"






A.M. Pires Cabral
Postar um comentário

‘Cubra-nos com Teu Manto, oh Mãe’...

‘Cubra-nos com Teu Manto, oh Mãe’...  Quantas frases mal pronunciadas, sussurradas, cheias de uma pressa, de apelo e de fé elevei ...