"(...) Amanhã, ou enquanto dormes - agora mesmo - vou pensar em ti. Intensamente: até que as horas me doam sobre a pele e o movimento dos dias passe como aves que perdem o sentido do voo - até que tudo o que me rodeia tome a forma do teu corpo. E em mim circules - quando estendo a mão por dentro da noite e te acordo, no fogo dos meus olhos.(...)"






Al Berto




**Mil desculpas pelo 'sumiço'... Mas cá estamos trabalhando num festival de música. Hoje a final será transmitida ao vivo, pela internet a partir das 20h, no www.clicvideo.com.br
***Logo visitarei cada um: saudades das palavras...
Bjkas
10 comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Tudo é vário. Temporário. Efêmero. Nunca somos, sempre estamos!