Apaga a dor, já passou
Abre a janela feliz


Olha que o vento soprou
Bem mais cor do que você quis



Oswaldo Montenegro




*amém: sol no Sul!
4 comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Tudo é vário. Temporário. Efêmero. Nunca somos, sempre estamos!