segunda-feira, 11 de julho de 2011


Você pode até conseguir tirar minhas cores, meus sons e meu ar. Você pode até conseguir tirar meus sóis e minhas noites estreladas. Todavia, jamais conseguirá tirar de mim meus sonhos.


Adriano Hungaro
Postar um comentário

‘Cubra-nos com Teu Manto, oh Mãe’...

‘Cubra-nos com Teu Manto, oh Mãe’...  Quantas frases mal pronunciadas, sussurradas, cheias de uma pressa, de apelo e de fé elevei ...