domingo, 24 de julho de 2011


É tempo de meio silêncio,

de boca gelada e suspiro,

de palavra indireta, aviso na esquina.

Tempo de cinco sentidos num só.




Carlos D. de Andrade

Postar um comentário

‘Cubra-nos com Teu Manto, oh Mãe’...

‘Cubra-nos com Teu Manto, oh Mãe’...  Quantas frases mal pronunciadas, sussurradas, cheias de uma pressa, de apelo e de fé elevei ...