Demasiadamente!



Tudo posso ser, minha alma errante e meu espírito livre me dizem somente uma certeza:

Sou humano, demasiadamente humano.



Nietzsche
11 comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Tudo é vário. Temporário. Efêmero. Nunca somos, sempre estamos!