Da primeira vez ela chorou....

...mas resolveu ficar.

É que os momentos felizes tinham deixado raízes no seu penar.


Depois perdeu a esperança, 

porque o perdão também cansa de perdoar.


Toquinho e Vinícius de Moraes
8 comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Tudo é vário. Temporário. Efêmero. Nunca somos, sempre estamos!