domingo, 3 de julho de 2011


'...Como as pedras imóveis na praia eu fico ao teu lado sem saber, dos amores que a vida me trouxe e não pude viver...'


Raul Seixas

Postar um comentário

‘Cubra-nos com Teu Manto, oh Mãe’...

‘Cubra-nos com Teu Manto, oh Mãe’...  Quantas frases mal pronunciadas, sussurradas, cheias de uma pressa, de apelo e de fé elevei ...